quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Série: Victoria


Ficha do IMBd aqui

A Rainha Victoria foi a personalidade escolhida para o mês de Fevereiro para o projecto #Historiquices da Miúda Geek e resolvi ver a série inglesa centrada na Rainha Victoria, a segunda monarca com o reinado mais longo.

A série inicia-se com a morte do Rei Guilherme IV e que leva a jovem Victoria, com apenas dezoito anos, ao trono. Sendo que esta primeira temporada termina com o nascimento da primeira filha de Victoria e Albert.
São vários os acontecimentos importantes nesta primeira temporada, como a forte amizade da Rainha Victoria com o Primeiro-Ministro Lorde Melbourne, como o próprio namoro e casamentos com o príncipe Albert, mas também muitas outras intrigas.
Sendo uma amante de história é óbvio que tinha muitas expectativas com esta série e não fiquei desiludida. É certo que no início me senti um pouco perdida com a questão da sucessão e do porquê de a jovem Victoria ser Rainha. Senti que foi um aspecto pouco desenvolvido na série mas, como há uns anos vi um filme sobre a vida da Rainha Victoria, já sabia algumas coisas.
Gostei imenso da série e do modo como tornaram Victoria tão real. Temos acesso a vários episódios importantes no início do seu reinado, como as tentativas de o seu tio querer ficar com o trono, a relação algo conflituosa com a sua mãe ou até o "fica-pé" com Lord Melbourne.
É ainda abordado o facto de Victoria não ter muita vontade de ser mãe, como também os seus receios em relação ao parto.
Para além da vida da Rainha, vamos também acompanhando as vidas dos empregados do palácio e que nos traz mais um ponto de interesse.

Uma excelente série de época e que me fez ficar empolgada pela próxima temporada.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Tag Cinematográfica

Hoje trago-vos a Tag Cinematográfica criada pela Dora do canal Books & Movies.


Perguntas:
1 - Qual o filme que viste mais vezes?
2 - 3 filmes que recomendas sempre?
3 - O que te tira do sério?
4 - O bilhete de cinema mais mal empregue?
5 - Já tiveste uma sala de cinema só para ti? Como foi e o que viste?
6 - Conta uma história caricata que envolva um filme
7 - Filme de que gostas mais do teu actor/actriz preferida?
8 - Um filme "overrarated"
9 - Um filme "underrated"
10 - Faz uma revelação bombástica

As minhas respostas:



Sintam-se todos taggueados =)

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

A Rainha Perfeitíssima: Paula Veiga


A Rainha Perfeitíssima
Título: A Rainha Perfeitíssima
Autor: Paula Veiga
Editora: Saída de Emergência
Classificação: 2 Estrelas

Ficha da Saída de Emergência aqui.

Não é novidade que romances históricos é, de momento, o meu género literário preferido e sendo um livro que se foca na história de Portugal, são logo dois motivos que me fazem ficar interessada.
Este livro centra-se na figura de D. Leonor de Lencastre, que acompanhou o reinado de quatro reis, já que foi sobrinha de D. Afonso V, esposa de D. João II, irmã de D. Manuel I e tia de D. João III. Apesar de adorar a história de Portugal, confesso que pouco ou nada conhecia sobre a vida de D. Leonor e por isso tinha muitas expectativas com este livro. Infelizmente, essas expectativas não foram superadas e existiram vários aspectos que não consegui ultrapassar.
Primeiro aspecto prende-se com o factor de existirem dois narradores diferentes. Temos partes narradas na primeira pessoa por D. Leonor, quase como se fosse uma espécie de diário pessoal, e outras em que temos um narrador externo que nos narra os acontecimentos, e que se interligam. Por norma, até gosto da narração da primeira pessoa, no entanto foi algo que não me agradou e senti que não fazia grande sentido.
Um outro ponto e que se relaciona com a narração na própria pessoa é D. Leonor contar-nos pontos da História de Portugal que só vão acontecer após a sua morte, o que para mim, não faz sentido. Afinal de contas, como é que alguém sabe o que vai acontecer após morrer? Neste caso, teria sido mais realista se fosse o narrador externo a revelar-nos o futuro.
Também a própria escrita não foi convincente. Achei-a demasiado informal e pouco adequada à época em questão. É certo que não estou a falar em termos um português totalmente arcaico mas esperava uma linguagem menos "actual". É certo que à medida que vamos avançado na leitura, a escrita vai-se adaptando à época mas, nomeadamente nas partes de D. Leonor, a escrita mantém um registo muito próximo da actualidade.
Tive também muita dificuldade em ligar-me à história e à personagem D. Leonor, e mesmo nas partes narradas na primeira pessoa, não senti nenhuma ligação emocional com D. Leonor.
Julgo que o livro poderia ter sido mais desenvolvido. Afinal de contas trata-se de um romance histórico que acompanha toda a vida da Rainha D. Leonor mas que tem apenas cerca de 250 páginas o que, para mim, me parece pouco.
A sensação final que fiquei, foi que a autora se limitou a relatar factos e informação histórica, ligando-os com a perspectiva directa de D. Leonor, na tentativa de tentar aproximar o leitor. Mas, comigo, não funcionou.
Apesar de todos os aspectos que não me agradaram, foi interessante ficar a conhecer a vida de D. Leonor, que foi uma Rainha que se preocupou, após a morte do seu filho, em tentar criar condições para os mais desfavorecidos.
Mas, realmente, esperava mais do livro.

Nota: Este livro foi-me disponibilizado pela editora, em troca de uma opinião honesta.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Adulthood Is a Myth: Sarah Andersen


Adulthood Is a Myth (Sarah's Scribbles, #1)
Título: Adulthood Is a Myth
Autor: Sarah Andersen
Classificação: 4 Estrelas

Ficha do Goodreads aqui

Quadradinhos com cenas do dia-a-dia, em que a grande maioria das raparigas se consegue identificar, de um modo muito divertido. A sério, este pequeno livro está recheado de situações algo ridículas mas normais e que nos fazem rir.
Um livro que se lê num ápice e que nos faz desejar que fosse maior.
Querem uma leitura divertida? Então, leiam este livro =)

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Cinematona Especial Óscares: Minha Participação

Hoje venho falar um pouco sobre os filmes que vi para a Cinematona Especial Óscares organizada pela Dora do canal Books & Movies.



Já viram algum dos filmes que mencionei no vídeo?