quinta-feira, 27 de julho de 2017

Divulgação: A Sétima Praga de James Rollins


Foi com muita surpresa que vi que o 12º livro da série Sigma ia ser editado, em Portugal, já no próximo dia 4 de Agosto. 
Não tinha noção que a série ia já no 12º livro! Tenho e li todos os livros até ao 8º e já actualizei a minha wishlist pois "tenho que ter" os 3 que me faltam. Quando gosto de um escritor tenho que ter os livros todos... Manias eheheh

Mas falando um pouco sobre este novo livro...

A Sétima Praga é a nova aventura da série Força Sigma mas tal como todos os livros de James Rollins, podem ser lidos de modo independente.


Sinopse:
Dois anos depois de desaparecer no deserto do Sudão, o professor Harold McCabe aparece a cambalear, saído das areias do deserto, mas morre antes de contar o que aconteceu. A autópsia revela que alguém tinha começado a mumificar o professor em vida.
Não tarda que todos os médicos envolvidos na autópsia adoeçam e morram, e uma estranha epidemia atinja o Cairo. Painter Crowe, diretor da Força Sigma, é chamado a agir. O professor McCabe desapareceu enquanto procurava vestígios das dez pragas de Moisés. Será que as pragas estão a ganhar vida de novo?
A filha do arqueólogo, Jane McCabe, ajudará a desvendar o mistério que remonta a milénios atrás.
A Força Sigma terá de enfrentar uma ameaça do passado tornada possível pela ciência moderna, e que poderá causar uma vaga de pragas conduzindo à morte todos os seres humanos.


Já estou super curiosa =)

Aproveito e deixo-vos os meus links de opinião:
Sigma #1 - A Cidade Perdida
Sigma #2 - O Mapa dos Ossos (lido antes de ter o blogue)
Sigma #3 - A Ordem Negra
Sigma #4 - A Herança de Judas (lido antes de ter o blogue)
Sigma #5 - O Último Oráculo
Sigma #6 - A Chave Maldita
Sigma #7 - A Colónia do Diabo (Link de opinião n GR)
Sigma #8 - Linhagem Sangrenta

Inicialmente esta série foi editada (até ao 6º livro) pela extinta Difel, passando depois a ser editada pela Bertrand, que também já reeditou os 3 primeiros livros.

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Um Gladiador só Morre uma Vez: Steven Saylor


Um Gladiador só Morre Uma Vez
Título: Um Gladiador só Morre uma Vez
Autor: Steven Saylor
Editora: Bertrand Editora
Classificação: 4 Estrelas

Ficha do Goodreads aqui


É verdade, mais um livro de Steven Saylor por aqui mas já sabem que eu adoro o Gordiano. Infelizmente, com este livro terminei de ler a saga Roma Sub-Rosa e resta-me apenas os livros sobre a juventude de Gordiano.

Este livro reúne 9 contos que decorrem após Sangue Romano e que correspondem à fase inicial da carreira de detective, num período em que Bethesda ainda é sua como escrava e o seu filho Eco, um rapazinho mudo.
Foi muito bom voltar atrás no tempo e reencontrar Gordiano ainda no início da sua carreira, onde ainda tem uma relação mais chegada a Cícero e reencontrar o seu amigo Lúcio Cláudio.
Apesar de neste livro, serem histórias mais curtas, são sempre interessantes, e temos de tudo um pouco, desde mistérios mais domésticos, a assassinatos.
Steven Saylor com o seu fiel Gordiano, nunca me desiludem e sei que são leituras que me trazem muito conforto.

terça-feira, 25 de julho de 2017

Tag dos 50% e Balanço Semestral 2017


Hoje trago-vos dois vídeos que coloquei no canal do Youtube mas como são um balanço das minhas  leituras dos primeiros seis meses de 2017, resolvi juntar num único post.

Perguntas da TAG dos 50% (2017)
1. Melhor livro que leu até agora
2. Melhor continuação que li até agora
3. Lançamento do primeiro semetre que ainda não leu, mas quer muito
4. Mais aguardado do segundo semestre
5. Me decepcionou esse ano
6. Me surpreendeu esse ano
7. Novo autor favorito que foi lançado/ conheceu no primeiro semestre
8. Sua quedinha por personagem fictício mais recente
9. Seu personagem favorito mais recente
10. Um livro que te fez chorar no primeiro semestre
11. Livro que te deixou feliz no primeiro semestre
12. Melhor adaptação
13. Resenha favorita esse ano, escrita ou em vídeo
14. Livro mais bonito que comprou ou recebeu esse ano
15. Quais livros quer ou precisa ler até o final do ano

Podem ver as minhas escolhas AQUI.


E fiz também um vídeo mais focado em números e estatísticas deste primeiro semestre. Podem ver AQUI.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

A Mulher do Camarote 10: Ruth Ware


A mulher do camarote 10
Título: A Mulher do Camarote 10
Autor:  Ruth Ware
Editora: Clube do Autor
Classificação: 4 Estrelas

Ficha do Goodreads aqui

A sinopse do livro aguçou a minha curiosidade e surgiu a possibilidade de o ler, numa leitura conjunta com a minha queria Isa do blogue Jardim de Mil Histórias, o que proporcionou uma experiência ainda mais rica.


A nossa protagonista é Lo Blacklock, uma jornalista de uma revista de viagens e que acaba por ter uma oportunidade irrecusável para a sua carreira, ir fazer a cobertura da viagem inaugural de um cruzeiro de luxo. No entanto, na primeira noite, torna-se testemunha de um possível crime no camarote ao lado do seu. Mas, toda a gente, passageiros e tripulação, continuam a bordo e ninguém reconhece a descrição que Lo faz da mulher do camarote 10.

Logo de início, somos confrontados com uma situação que nos coloca em alerta e, à medida que vamos avançando, o clima de tensão adensa-se. O próprio local da narrativa, o navio de cruzeiro, permitiu que o ambiente fosse ainda mais claustrofóbico, afinal de contas, as personagens estão "fechadas" num espaço confinado, sem ter por onde fugir. E é muito fácil, sentir na pele, os níveis de ansiedade e de medo de Lo mas, existiram momentos que, até eu, duvidei da sua sanidade.

Foi a minha estreia com Ruth Ware e gostei bastante. O enredo e ambiente permitem que o leitor vá tecendo as suas próprias teorias, além de estarmos constantemente em alerta e temendo sempre o pior. A escrita é bastante acessível e fluída, com um ritmo rápido de acção, não havendo espaços para "engonhaços".

Com um enredo sólido e que nos faz duvidar de tudo e de todos. E tal como referi, fui "construindo" a minha teoria mas, a verdade, é que a autora conseguiu surpreender-me. E, num thriller, haverá algo melhor do que chegar ao fim e estarmos completamente enganados?

Para mim, o único aspecto que não funcionou tão bem foi mesmo o início, que achei que demorou um bocadinho a desenrolar mas ultrapassada a primeira parte, a leitura torna-se muito fluída.

Posso dizer que tive uma excelente estreia com a autora e, sem dúvida, que agora vou querer ler o seu primeiro livro Numa Floresta Muito Escura!


Nota: Este livro foi-me disponibilizado pela editora, em troca de uma opinião honesta.

sábado, 22 de julho de 2017

Filme: Becoming Jane


Ficha do IMBd aqui

Para este mês, a personalidade do projecto Historiquices da Elisa A Miúda Geek  foi a Jane Austen. E como eu já li os seus livros e não me estava a apetecer reler nenhum, resolvi ver o filme Becoming Jane.

O filme foca-se em Jane Austen e no seu suposto romance com Thomas Lefroy, e é um filme, que apesar do seu quê de biográfico, é muito romanceado.
É interessante pois dá para ter uma ideia da personalidade de Jane e ainda temos o início de escrita de Orgulho e Preconceito.
Dá-nos também uma ideia da época e dos preconceitos em tornos das mulheres.
Como ponto forte tenho que destacar as actuações de  Anne Hathaway e James McAvoy (que é sempre uma forte motivação para se ver filmes eheheh).