sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Sebastian - Anne Bishop


Bem-vindos a Efémera, onde a terra se altera em resposta aos mais profundos desejos e medos dos seus habitantes.
Há muito tempo, Efémera foi dividida em inúmeras paisagens mágicas ligadas somente por pontes. Pontes que podem levar quem as atravessa para onde realmente pertence e não ao local onde pretende chegar. Numa dessas paisagens habitada por demónios e onde a noite impera, o meio-íncubo Sebastian delicia-se em prazeres obscuros. Contudo, aguarda-o um destino devastador. Uma aprendiza descuidada libertou um mal antigo que agora se agita - e o reino de Sebastian poderá ser o primeiro a sucumbir... Mas em sonhos, ela chama por ele: uma mulher que não deseja mais do que ser amada e sentir-se protegida - uma mulher pela qual ele anseia mas que sabe poder vir a destruí-la. Ela é Lynnea, e o seu improvável romance está no centro da batalha que se trava entre a luz e as trevas.

__________________________________________________________________
Neste livro, temos um mundo diferente das Jóias Negras, com regras e raças diferentes – Mundo Efémera.
No início, senti-me um pouco perdidas com estas paisagens (Mundos) e personagens, mas logo fiquei presa à leitura e não queria parar.
Tudo começa quando o Ente (ou Devorador do Mundo) é acidentalmente solto. Este Ente é uma criatura maléfica, que se aproveita dos medos, fraquezas e receios dos habitantes, tornando-os realidade, com o objectivo de tomar Efémera. A partir daqui, temos uma luta entre o bem e mal.
Achei as personagens muito construídas, tendo cada uma o seu papel importante na história.
Sebastian é um incubo, muito sensual, mas que trava uma luta para se manter fiel aos seus princípios.
Lynnea é uma mulher que demonstra uma grande coragem e que fará tudo por amor.
Provocador, é também um incubo, cheio de humor e com um grande sentido de amizade.
Gloriana Belladonna é uma paisagista proscrita muito poderosa.
Lee é um construtor de pontes e irmão de Belladonna.
Nadia é uma paisagista, mãe de Belladonna e Lee e tia de Sebastian.

Este é um livro cheio de humor, sensualidade, amor, amizade, misturado com uma boa dose de cenas horripilantes.
A única coisa que sinto falta nos livros de Anne Bishop, é de uns mapazinhos para me poder orientar com tanta “região”.

10 comentários:

  1. Eu aguardo ansiosamente o "Belladonna", que por acaso até foi a personagem que mais gostei no "Sebastian" :)

    ResponderEliminar
  2. Nunca li Anne Bishop, tu que me conheces bem, o que achas? Não é bem o meu género pois não? Apesar de a manter em mente, para o caso de algum dia me apetecer "desanuviar" por outras leituras... :)

    ResponderEliminar
  3. Canochinha, eu também gostei mt da Belladonna. Mas adorei o final do Sebastian, tocou-me no meu lado romântico. No entanto, nada bate o Lucivar e a Marian das Jóias Negras :D

    Ana, realmente, se não gostas de fantástico, Anne Bishop não é o teu estilo. No entanto, se algum dia quiseres "desanuviar" aconselho-te a começares ou por George Martin com a fantástica "Crónicas de gelo e fogo" ou por Juliet Marillier com a "Trilogia Sevenwaters" ;)

    ResponderEliminar
  4. tita, tou a adorar o teu blog!TEnho de vir ver com mais calma, porque tem de ser bem apreciado! Parabéns! bjinhos

    ResponderEliminar
  5. Obrigada Argas :)
    Volta sempre q quiseres, eu vou adicionar o teu blog ao meu ;)
    Beijocas

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. ola linda quando puders passa no meu blog tens lá um desafio, beijos:)

    ResponderEliminar
  8. Hi, as you may already noted I'm new here.
    I will be happy to receive any assistance at the beginning.
    Thanks in advance and good luck! :)

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar